6 dicas para se preparar até o ENEM

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Os passos para planejar a rotina de estudos

Um total de 6.384.957 de estudantes se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2019. E faltando pouco mais que cinco meses para o primeiro dia da prova, muitos participantes intensificam a rotina de estudos. Por outro lado, alguns inscritos pretendem começar agora a se preparar para os dois finais de semana de prova – aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro. De acordo com os professores do cursinho online ProEnem – que já ajudou mais de 1 milhão de estudantes – seguindo algumas dicas é possível se preparar para as 180 questões e o grande desafio da prova: a redação. Confira:

Saiba onde está se metendo – Antes de fazer a prova é preciso conhecer a estrutura do ENEM. Vale pesquisar e olhar os exemplos de anos anteriores para se familiarizar com o estilo das questões. É importante lembrar que o ENEM exige o domínio em 5 áreas do conhecimento: Linguagem, Ciências Humanas, Ciência da Natureza, Matemática e Redação. Uma dica dos professores do ProEnem para a hora da prova é construir uma estratégia de resolução baseada no curso que o candidato escolheu – separando mais tempo para as questões das áreas de interesse.

Tenha o melhor plano de estudo que existe: o seu – Na internet existem diversos planos de estudo que podem servir de inspiração para os candidatos, no entanto, não existe planejamento perfeito. O ideal é que cada estudante formate um plano de estudos particular baseado na rotina, no curso pretendido e, sobretudo, nas matérias que domina ou que têm mais dificuldades. O melhor plano de estudo é aquele que seja viável e que possa ser executado. A dica é: comece por uma meta razoável e que o mantenha motivado, mas não esqueça de aumentar a meta à medida que os estudos deem resultado.

Busque apoio. Sério! – Siga canais, videoaulas, perfis de pessoas que já conseguiram a vaga ou que também estão estudando. A motivação inicial para estudar tende a diminuir ao passar do tempo e, inevitavelmente, haverá momentos de desânimo. O ProEnem realiza videoaulas gratuitas no canal do YouTube e que podem ajudar a manter o foco nos estudos até o final. O mais importante é ficar cercado de bons exemplos em todas as redes sociais e criar um clima positivo.

Explique termoquímica para sua mãe – Não existe um jeito certo de estudar, mas é preciso encontrar o mais efetivo para cada aluno. É importante ter um método de estudo, organizado por dias da semana e por horário – para não ficar massante. Outra dica é perceber como o conteúdo se fixa melhor na memória, alguns trabalham melhor com resumo, outros com mapa mental, leitura em voz alta ou explicando a matéria para outras pessoas – valem os amigos, vizinhos e até a mãe.

Leve os simulados a sério – Se feche no quarto, ligue o cronômetro e faça os simulados ou as provas de anos anteriores como se valessem nota de verdade. Os professores do ProEnem indicam que até o lanche que cada estudante deve levar para a prova deve ser igual. Os simulados são importantes para que o aluno crie uma estratégia de prova. As provas também ajudam a identificar aquelas matérias que merecem atenção especial, afinal, ainda restam 6 meses.

A redação é importante mesmo – Um dos maiores desafios do ENEM é a redação. Muitos estudantes buscam fórmulas mágicas para uma Redação Nota 1000. Mágica não existe, mas técnica eficiente, sim. No ProEnem, dois candidatos chegaram à nota máxima praticando o passo a passo de acordo com a correção da banca. Então, a boa notícia é que a escrita é uma ferramenta que pode ser aprimorada. Por isso, até novembro vale a pena buscar aulas de redação e fazer muitos exercícios de escrita. Apesar da gramática ser pouco cobrada nas questões objetivas, ela é fundamental para um bom texto. Ah! E não se esqueça: título é facultativo. Se você o emprega, isso não aumenta sua nota, mas se você usa errado, pode diminuí-la. Portanto, usar título pra quê, não é mesmo

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.