Clementina de Jesus tem vida e obra retratadas em documentário

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Neta de escravos, a cantora Clementina de Jesus carregava na voz a cultura dos seus ancestrais

Morta em 1987 e conhecida pela voz potente, se revelou ao estrelato depois dos 60 anos após ser descoberta pelo produtor Hermínio Bello de Carvalho. Antes disso, trabalhou por cerca de duas décadas como empregada doméstica. Seu repertório, composto por sambas e cantos religiosos, a marcou como uma representante da música afro-brasileira. Sua vida e trajetória são tema do documentário “Clementina”, exibido com exclusividade noCurta! Além do próprio Bello de Carvalho, o filme traz depoimentos de figuras como os cantores Nelson Sargento e Alcione, que comentam o legado da sambista. Dirigida por Ana Riepe, o documentário foi produzido pela Dona Rosa Filmes com financiamento do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) da Ancine. Estreia na Segunda da Música, 8, às 22h20.

Lia Rodrigues mostra o processo de elaboração de uma coreografia no episódio inédito de “Onde Nascem as Ideias”

episódio inédito de “Onde Nascem as Ideias” aborda o processo criativo da bailarina e coreógrafa Lia Rodrigues, durante a criação do espetáculo “Para Que o Céu Não Caia”. Integrante do movimento de dança contemporânea de São Paulo, durante a década de 1970, Lia também foi fundadora, em 1992, e dirigiu por 14 anos o Panorama de Dança, importante festival de dança carioca. Entre conversas com a diretora Carolina Sá, Lia apresenta seu universo criativo e a construção coletiva de um corpo de bailarinos. Idealizada e dirigida por Carolina Sá, a série foi produzida pela Samba Filmes com financiamento do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) da Ancine. Episódio inédito na Terça das Artes, 9, às 23h.

Segunda da Música – 8/4
22h20 –“Clementina” (Documentário)
Filme sobre universo de Clementina de Jesus, revelada aos 63 anos como uma das maiores vozes da história do samba. Considerada por muitos o elo perdido entre a cultura brasileira e as raízes africanas. Diretora: Ana Rieper. Duração: 75 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 9 de abril, terça-feira, às 02h20 e às 16h20; 10 de abril, quarta-feira, às 10h20; 13 de abril, sábado, às 22h25; 14 de abril, domingo, às 13h.

Terça das Artes – 9/4
23h –“Onde Nascem as Ideias” (Série) – Episódio “Lia”
Acompanha o processo de criação do espetáculo “Para Que O Céu Não Caia” da coreógrafa Lia Rodrigues, inspirado no livro do xamã Yanomami Davi Kopenawa e do antropólogo francês Bruce Albert. Diretora: Carolina Sá. Duração: 43 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 10 de abril, quarta-feira, às 03h e às 17h; 11 de abril, quinta-feira, às 11h; 13 de abril, sábado, às 21h20; 14 de abril, domingo, às 8h50.

PROMO: https://www.youtube.com/watch?v=9kW4quvyBP4&feature=youtu.be
FOTOS EM ALTAhttps://drive.google.com/open?id=1uQNH4bGwOOpg2G6Y8PuxzNGL4kgy6IIf

Quarta de Cinema – 10/4
22h50 –“A História do Cinema: Uma Odisseia” (Série) – Episódio “1928 a 1932”
Os grandes cineastas rebeldes mundo afora. Diretor: Mark Cousins.Duração: 60 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 11 de abril, quinta-feira, às 02h50 e às 16h50; 11 de abril, quinta-feira, às 11h; 12 de abril, sexta-feira, às 10h50; 14 de abril, domingo, às 00h.

20h –A faixa “A Vida é Curta!” traz dois curtas-metragens que abordam o tema “como nossos pais”

Retrato de Carmem D (Documentário)
Carmem Dametto tem 72 anos e é psiquiatra. Atende os seus pacientes no consultório localizado no térreo de sua ampla casa, onde também vive Marcela, sua filha, que sempre nadou na piscina do jardim. Diretora: Isabel Monteiro Joffily. Duração: 22 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 11 de abril, quinta-feira, às 00h; 12 de abril, sexta-feira, às 08h; 13 de abril, sábado, às 14h35.

Borscht – Uma receita russa (Documentário)
Duas irmãs e seus maridos fogem da Revolução Russa e da Alemanha nazista para o Brasil. Nos anos 1960, dividem uma casa em São Paulo. Diretora: Marina Quintanilha. Duração: 18 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 11 de abril, quinta-feira, às 00h30; 12 de abril, sexta-feira, às 08h30; 13 de abril, sábado, às 15h.

Quinta do Pensamento – 11/4
21h –“Imortais da Academia” (Série) – Episódio “Cadeira 21: “Entre o canône e a liberdade”
Paulo Coelho, Dias Gomes, Adonias Filho e José do Patrocínio são os nomes destacados neste episódio, que perpassa a história da cadeira 21 da Academia Brasileira de Letras. Diretor: Belisario Franca.Duração: 26 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 12 de abril, sexta-feira, às 01h; 13 de abril, sábado, às 17h35; 14 de abril, domingo, às 11h25.

FOTOS EM ALTAhttps://drive.google.com/open?id=1B7sk5xS0MeLoCKK9T5lJ-MKOFBTCph5H

Sexta da Sociedade – 12/4
21h15 –“Estrada de Sonhos” (Documentário)
O documentário traz à tona a história ferroviária do Brasil. Pensando além dos trilhos e das locomotivas, discorre momentos, lembranças e registros de pessoas que vivenciaram e vivem esse símbolo. Diretor: Pedro von Krüger. Duração: 91 min. Classificação: Livre. Horários alternativos: 13 de abril, sábado, às 01h15 e às 10h50; 14 de abril, domingo, às 20h35.

Sobre o Curta!

Dedicado às artes, à cultura e às humanidades, o Curta! é um canal independente que acolhe a experimentação e se orgulha de ser um parceiro dos realizadores, artistas, criadores e produtores. Com o compromisso de transmitir 12 horas por dia de programação nacional independente, o canal pauta a sua programação pelos seguintes temas: música, dança, teatro, artes visuais, arquitetura, metacinema, filosofia, literatura, história política e sociedade.

O Curta! pode ser visto nos canais 56 e 556 da NET e da Claro TV, no canal 75 da Oi TV e no canal 664 da Vivo, oferecido à la carte pela operadora. Siga o Curta! nas redes sociais: www.facebook.com/CanalCurtahttps://twitter.com/canalcurta e www.youtube.com/user/canalcurta. Saiba mais em http://www.canalcurta.tv.br.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.