Ibema transforma material reciclável em embalagens sustentáveis de papelcartão

New Balance celebra Grey Days em maio, honrando sua icônica cor cinza
17 de maio de 2024
Megashow em Curitiba terá toda renda revertida ao Rio Grande do Sul
17 de maio de 2024

Projetos de economia circular da empresa já arrecadaram mais de mil toneladas de itens como papel, cartolina e papelão, que são inseridos processo produtivo da companhia

O Dia Mundial da Reciclagem é celebrado em 17 de maio com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de separar e dar destinação correta a resíduos que podem ser reaproveitados. Nesta data tão significativa, a Ibema, uma das maiores fabricantes de papelcartão da América Latina, comemora os bons números das suas iniciativas de economia circular.

Ativo desde o último trimestre de 2022, o contêiner do projeto Estação Preço de Fábrica, parceria com a startup de logística reversa Green Mining e com o Grupo Boticário, instalado em frente à planta de Embu das Artes (SP) da empresa, recebe vidro, papelão, papel branco, cartolina e papelcartão para reciclagem. Pelos itens, que podem ser entregues por qualquer pessoa e em qualquer quantidade no ponto de coleta, são pagos valores justos. Foram arrecadados, até março de 2024, quase 1000 toneladas de materiais (papel e vidro) e distribuídos cerca de R$ 555 mil, impactando aproximadamente 900 famílias.

“Os papéis que recebemos no contêiner são encaminhados diretamente para o processo produtivo da Ibema para serem transformados nos produtos da linha Ritagli, opção mais sustentável do mercado para embalagens de papelcartão”, comenta Julio Jubert, Diretor Comercial da companhia.

Ideal para alimentos pré-embalados, produtos farmacêuticos e cosméticos, o papelcartão da linha Ritagli apresenta rigidez competitiva e possui 55% de sua composição fibras recicladas, 35% vindas de pós-consumo. Também são transformados em matéria-prima para a produção de itens da linha catálogos antigos do Boticário. Assim como o contêiner de Embu das Artes, essa parceria existe desde 2022 e já resultou em 125 toneladas de material reaproveitado.

“O papelcartão, altamente reciclado e oriundo de fonte renovável, é um excelente substituto para as embalagens plásticas. Hoje, o Brasil fabrica 11 milhões de toneladas de plástico por ano, mas apenas 1,2% do total é reciclado, segundo dados da WWF e do Banco Mundial. Além disso, cerca de 325 mil toneladas do material vão parar no mar anualmente, de acordo com levantamento da Oceana, organização internacional focada na preservação dos oceanos”, acrescenta Julio.

Mas as ações de economia circular da Ibema não param por aí. Junto da Green Mining e da BO Packaging, a empresa transforma copos de uso único de lanchonetes do McDonald’s; entre 2023 e 2024 já foram coletadas, aproximadamente, cinco toneladas de material.

“Os objetivos de curto prazo da Ibema incluem ampliar nossa participação no mercado de economia circular e se tornar cada vez mais referência em produtora de alternativas para substituir o plástico, especialmente os chamados ‘plásticos de uso único’, como as embalagens. Acredito que estamos no caminho certo”, finaliza Julio.

fotos: divulgação