Ceia de Natal em Lisboa

O Bacalhau impera na noite de Natal em Lisboa, bem como o perú assado, que pode ou não ser recheado.  Come-se também o cabrito assado e a roupa velha, que é o aproveitamento do Bacalhau, batatas e legumes da ceia e faz-se um refogado com bastante azeite e alho, tudo misturado. Para sobremesa, há todo o tipo de doces: rabanada, a, arroz doce, tronco de natal, bolo-rei e broas

Bacalhau

O bacalhau é sem dúvida o rei do Natal. Comumente, o bacalhau é cozido juntamente como os acompanhamentos, entre eles os mais comuns são a batata, os ovos, os grelos (que parecem com o nosso brócolis), as couves e a cenoura, que são generosamente regados com um bom azeite português.

A tradição deste prato permanece desde os tempos em que a Igreja Católica impunha o jejum durante as festas religiosas, proibindo o consumo de carne, e dando um lugar de destaque ao bacalhau.

Peru assado 

Além do bacalhau, também o peru ocupa um lugar especial nas mesas de Natal, como no Brasil. Normalmente é recheado com uma rica mistura de miúdos, carnes, pão e vários temperos.

Este costume é originário dos Estados Unidos da América e chegou à Europa pela mão do povo espanhol. De excelente sabor, o peru de Natal foi rapidamente adotado pelos europeus, tornando-se num dos mais tradicionais e importantes pratos para as comemorações natalinas.

Cabrito assado

O cabrito assado no forno é um dos pratos mais populares para o almoço do dia de Natal.

Em tempos mais antigos, preparava-se o tradicional cabrito em forno de lenha que fazia as delícias de todos. Atualmente, e por este método já não ser tão frequente, a ausência do sabor que advinha do forno de lenha é compensada com todos os temperos e aromas vindos do alho, do louro, do vinho branco, do azeite, do alecrim e do rosmaninho, onde o cabrito é marinado antes de ir ao forno.

Roupa Velha

E as sobras, o que fazer com as sobras? Com o que resta do bacalhau e seus acompanhamentos  faz-se o que lá se denomina de “roupa velha” um prato feito a partir do bacalhau desfiado com os legumes picados, alhos, azeite e junta-se também ovos.

Quem for à Lisboa terá, sem dúvida, um Natal muito saboroso.

 

Sobre a Associação Turismo de Lisboa (ATL):

Criada em 1997, a ATL é uma entidade privada sem fins lucrativos com mais de 800 associados que se dedicam, no todo ou parcialmente, à economia do Turismo da região, com a missão de promover Lisboa como destino turístico de excelência.

www.visitlisboa.com

Visit Lisboa no Facebook || Visit Lisboa no Twitter || Visit Lisboa no Pinterest || Visit Lisboa no Youtube