Últimas Notícias

12/04/2017

Sergio Fahrer e Jack Fahrer lançam coleção 2017

Tubos dobrados, vergalhões e chapas estruturam a nova coleção que tem pegada industrial sofisticada

divulgação

Cor, textura e volumetria. Estes são alguns dos atributos que definem a nova coleção de Sergio Fahrer e Jack Fahrer. O uso de materiais inéditos dá o tom para as 27 criações divididas em quatro linhas. Reconhecidos pelo trabalho com a madeira curvada, desta vez os designers utilizaram tubos curvados, vergalhões finos de aço e chapas moldadas, que foram combinados com madeira, vidro, tecidos e pintura de alta tecnologia.

Com peças seriadas e de tiragem limitadas, as linhas Atari, Prado, Pipe e Tarantino, mostram toda a flexibilidade de criação dos designers em evidenciar curvas e formas em suas criações. “Esta coleção é diferente de tudo o que já fizemos e não perdemos nossas características mais marcantes como a organicidade, originalidade e a exclusividade do feito à mão”, diz Sergio Fahrer.

As cores escolhidas para a coleção são da empresa italiana Lechler, responsável pela pintura de carros das marcas Lamborghini e em acessórios da marca Prada. “Fizemos uma imersão completa na fábrica e descobrimos todas as possibilidades entre cor, saturação e tonalidade”, explica Jack Fahrer. A paleta de cores escolhidas vai do ouro ao titânio e, além de oferecer um acabamento impecável, deu as peças um ar industrial sofisticado.

Outro destaque da nova coleção, são os móveis para áreas externas. São peças diferenciadas que fogem do convencional de cordas e fibras, e funcionam muito bem também em ambientes internos. Com estrutura de tubos de aço, a beleza do material se revela com a pintura da Lechler, que com a luz do sol, ressalta o brilho dos sparkles (característica da pintura automotiva). Os tecidos escolhidos dão um toque leve e despojado.

Linha Pipe: Composta por seis peças, entre mesas de jantar, lateral e centro, além de aparador, a linha se destaca pela estruturação em tubos de aço curvados e dispostos num jogo entre as linhas. Feitas à mão, uma a uma, as peças recebem no acabamento as cores da tinta de alta tecnologia da Lechler, que permite que as peças sejam usadas tanto em áreas internas como externas. Essa linha traduz, segundo os designers, a sensação de sinestesia e de harmonia semelhantes aos órgãos de tubo das grandes catedrais, em especial a Igreja Sagrada Família, na cidade de Barcelona, principal estímulo e inspiração para a coleção

Linha Atari – Peças de mobiliário que não escondem seus elementos estruturais, ou ainda peças que criam destaque para sua própria estrutura: esta é, segundo os designers, a principal característica desta linha. Composta de mesas de centro, mesas laterais, sofá table, aparador, banco longo e banquinho, as muitas peças da Coleção Atari tiveram uma inspiração em formas geométricas sem ornamentos. As linhas formadas pelos vergalhões finos de aço foram trabalhadas na mão pelos designers, curvadas e dobradas até que o resultado permitisse destaque para sua estrutura. Que resultou no jogo nítido entre transparência e opacidade da forma, presente no desenho das peças.

Linha Prado –É composta por peças de design que evidenciam ângulos surpreendentes e curvaturas. O principal material usado nessa coleção é o aço dobrado e estruturado à mão. São peças escultóricas e seriadas, assinadas à mão pelos designers. O aço recebe a pintura de alta tecnologia, aliando as cores e o Efeito Sparkle à força e estabilidade da peça.

Linha Tarantino - A Tarantino é a primeira coleção idealizada especialmente para área externa. Com cores que remontam aos filmes do cineasta que dá nome à coleção, as cadeiras, poltronas e mesas são estruturadas em tubos de aço inox. Tanto a pintura quanto os tecidos da Quaker usados no acabamento são de alta tecnologia. Uma característica importante dessa coleção é a ergonomia, que leva ao limite o interesse dos designers quanto ao conforto e à durabilidade.

 

SOBRE A FAHRER:

Com uma trajetória de mais de 20 anos no design contemporâneo brasileiro, os irmãos e designers Sergio Fahrer e Jack Fahrer, são reconhecidos por evidenciar formas e linhas orgânicas em suas criações, que aliadas ao uso da técnica de madeira curvada, criam peças com design e personalidade únicas. Suas peças estiveram expostas nas bienais brasileiras de design, Salone del Mobile de Milano, Museu da Casa Brasileira, Fondation Le Corbusier, Brasil S/A, Museu de Arte de Nova York, Museu de Guggenheim, 100% Design de Londres e ICFF de Nova York. Foram premiados pelo IF Design Award, IDFX Design, Prêmio Planeta Casa, Objeto Brasil entre outros. No mercado internacional, as peças dos designers são vendidas em Londres, na Chris Wilde Antiques e na Sylvia Nayla Design Furniture. Em Paris, seus móveis estão na L de O, do conceituado arquiteto Pierre-Antoine Corret.