Últimas Notícias

07/06/2016

Start-up vai transformar carro dos paranaeses em outdoor ambulante. E paga bem por isso

Oferecer carro para anunciante pode gerar renda extra de R$ 2 mil

divulgação

Mais de 11 milhões de brasileiros desempregados, outro trimestre de resultados desanimadores na produção nacional, inflação nas alturas. Manter o padrão de consumo ou até mesmo as despesas rotineiras agora é um desafio para o trabalhador.

Mas uma empresa acaba de criar uma solução criativa e rentável, que consiste em anunciar em carros de pessoas comuns. Uma alternativa que pode render até R$ 2 mil por mês ao motorista.

A ideia da Start-up Carlicity é conectar motoristas e agências de publicidade. O cadastramento de condutores que estejam interessados em transformar seus veículos em out-doors já começou e a estimativa é que a base atinja 500 mil pessoas ainda neste ano.

Anunciar em automóveis é uma alternativa que pode impactar um número consideravelmente superior de pessoas em comparação com a publicidade estampada em pontos fixos. Vale lembrar que o Brasil tem a quarta maior frota, atrás somente da China, Estados Unidos e Japão. À frente da Alemanha, tem um carro para 4,4 habitantes - um total de 45,5 milhões de veículos.

A frota nacional cresceu 11 vezes mais rápido que a população na última década. Mesmo com as quedas nas vendas, o país deve chegar a cerca de 94 milhões de carros circulando até 2020.

Foi analisando esse cenário, que o empresário Pedro Borges encontrou uma maneira de garantir ao cidadão brasileiro uma renda extra e encontrar espaços para as empresas anunciarem.

A NOVA INDUSTRIA DE PUBLICIDADE EM AUTOMOVEL PARTICULAR VAI MOVIMENTAR POR ANO R$ 22 MIL REIAS POR CARRO PROPAGANDA

Na prática, o veículo é adesivado dentro da lei (o anuncio vai ocupar apenas 40% do espaço do veículo) e o motorista segue sua rotina diária: levar os filhos à escola, ir ao trabalho, visitar familiares, sair às compras. O outdoor ambulante vai garantir a renda ao motorista conforme a quilometragem percorrida. O condutor não terá nenhuma despesa com a fixação da publicidade, que será custeada pelo anunciante.

Baseado nos trajetos que o motorista faz no  dia a dia, a Carlicity vai buscar as marcas que mais se adequam e se interessam pelos caminhos percorrido. Quanto mais quilômetros , maior a remuneração.

No final do mês, eles vão receber uma renda extra. R$ 1,50 para cada Km rodado, o que poderá chegar a R$ 2 mil. 

O cadastramento começa hoje. É gratis, sem nenhum custo e poderá ser feito pelo site www.carlicity.com.br

O projeto de  transformar o carro particular em midia já foi implantado nos EUA e hoje é case de sucesso, inspirando o conceito que será adotado no território nacional.